Reuniões do grupo de discipulado

1 minuto | Postado 1 ano atrás

captura-de-tela-2016-11-25-as-17-54-44

 

 

  1. As reuniões podem ser feitas na igreja ou nas casas, de preferência nas casas. Se forem feitas nas casas não devem ser unicamente regadas a bolo e refrigerante, pois o objetivo maior é o estudo da Palavra e o compartilhamento da ação de Deus na vida das pessoas. O comer junto é uma conseqüência, e não um fim em si mesmo
  2. O contato entre o grupo deve ser o mais informal possível, tendo o cuidado para não transformar  a reunião do grupo em terapia, mas compartilhar aquilo que Deus está fazendo na vida de cada um.
  3. As reuniões devem ter dinâmicas para interação das pessoas e do contéudo
  4. O professor é o Espírito Santo, o facilitador é apenas alguém usado por ele.
  5. O que for compartilhado no grupo deve ficar restrito a este ambiente, nào devendo ser comentado fora dele em hipótese alguma.
  6. Todos no grupo devem ter o material de apoio
  7. O facilitador também estuda novamente o material que irá ministrar ao grupo
  8. O facilitador deve procurar aproveitar o máximo o tempo da reunião em grupo
  9. Começar e terminar no horário
  10. A duração é de 13 semanas (3 meses)
  11. Estimular a comunhão e o feedback entre os membros do grupo fora das reuniões. O relacionamento e a comunhão não podem ficar apenas na teoria
  12. Promover atividades práticas sobre o que as pessoas estão aprendo, em encontros extras à reunião semanal.
  13. Não permitir a chegada de novos componentes no decorrer do processo, o que iria dificultar a harmonia já conquistada.

Alex Palmeira

Salvo pela graça, servo de Jesus, em missão como embaixador do reino de Deus – atua como diretor do movimento PN5.

União Sul Brasileira da IASD