Sem categoriaA escolha dos professores da Escola Sabatina

A escolha dos professores da Escola Sabatina

6 minutos | Postado 1 ano atrás

1013679_30019622

O conceito mais básico de liderança é INFLUÊNCIA! Se você não influência equivale a dizer que você também não é líder. A força do cargo somente não torna ninguém líder, pode até abrir caminho, mas a liderança da era do conhecimento é a influência que gera movimento em direção ao crescimento.

Definitivamente a pessoa que mais influencia na igreja é o professor da Escola Sabatina, as pesquisas já mostram isso. E não é atoa. Ninguém possui 45 minutos cativos semanalmente no horário nobre da igreja para falar a mesma audiência durante o ano todo. Pastor não tem isso, nenhum diretor de ministério da igreja tem isso, mas o professor tem.

O paradoxo é que a pessoa que mais influencia nem em comissões de nomeações é escolhido, sua reunião semanal em muitos lugares foi esquecida, sua ênfase relegada, seu cuidado inexistente.

O professor da Escola Sabatina conforme estudo do ASTR (Archives, Statistics, and Research) disse que “os professores da Escola Sabatina foram mais alto do que pastores e anciãos, quando os membros da igreja tinham de dizer quem era mais amigável, mais quente, mais solidário e teve um efeito positivo na sua vida espiritual”.

http://www.adventistarchives.org

Os professores da Escola Sabatina são os co-pastores dos pequenos rebanhos da igreja e merece nosso total cuidado, capacitação, mentoreio. Essa página é um apelo que a visão CADA UM SALVANDO UM faz com urgência, vamos investir nesse grupo esclarecido, comprometido semanalmente com a igreja e que exerce a liderança sob o maior lastro de influência que a igreja possui.

PESQUISA DA AG

Pesquisas tem confirmado de maneira veemente, clara e inequívoca a influência dos “professores da Escola Sabatina” na igreja. No último relatório de pesquisas globais da Igreja Adventista do Sétimo Dia, apresentada este ano no concílio anual pelo Dr. David Trim diretor do General Conference Office of Archives, Statistics, and Research, revelou pontos interessantes:

Na pesquisa com os membros de igreja, foi-lhes dito para classificar o nível de conhecimento dos membros, simpatia, atenção, cuidado e impacto positivo na vida espiritual que pastores, anciãos e professores de Escola Sabatina tinham.

  1. Em todas as Divisões pesquisadas, mais de 50% dos entrevistados deram as suas melhores classificações, nessas categorias, para os professores de Escola Sabatina.
  2. Na maioria das Divisões, os professores de ES foram classificados acima de outras autoridades da igreja local.

O questionário feito com membros de igreja tinha 27 perguntas sobre o que tem “ajudado a desenvolver sua vida espiritual,” com respostas sendo dadas em uma escala de Likert, de 5 pontos, que iam desde “Muito” a “Nem um pouco” e “Não se aplica a mim”. Eles tiveram que avaliar a Escola Sabatina, a lição de Escola Sabatina para adultos, o culto, culto pessoal para oração e estudo da Bíblia e o culto familiar.

  1. Em 7 das 9 Divisões avaliadas, mais de 50% deram a maior classificação entre todas para a Escola Sabatina: ajudava “Muito”.
  2. Incrivelmente, a divisão que melhor classificou a Escola Sabatina como muito relevante para a vida espiritual foi a Divisão Sul Americana.

PERFIL QUE REFLETE A VISÃO C1S1 – USB

I. PASTOREIA A UNIDADE

  1. Visita os alunos constantemente para ajudá-los no crescimento espiritual
  2. Prepara a discussão dos pontos fortes da lição semanalmente com eficácia
  3. Motiva com didática a todos terem a lição e a estudá-la diariamente

II. CONDUZ A UNIDADE A UMA VIDA EM COMUNIDADE

  1. Promove o encontro da unidade fora do sábado pela manhã
  2. Desenvolve projetos na unidade de ações solidárias
  3. Estimula a amizade entre os membros da unidade

III. TORNA A UNIDADE UMA AGENCIA MISSIONÁRIA ATIVA

  1. Descobre os dons dos alunos
  2. Treina a unidade constantemente para melhor testemunhar de Jesus através dos diversos métodos missionários
  3. Tem uma lista de amigos que estão estudando a Bíblia na unidade

IV. ADMINISTRA A UNIDADE COMO UM CO-PASTOR

  1. Participa da Classe dos Professores
  2. Organiza a prática do crescimento semanal da unidade (ver cartão de chamada)
  3. Preenche o cartão de chamada corretamente

IMPERATIVOS PARA A ESCOLHA

  1. PIRA CONFIANÇA – Vive o que fala. Tem caráter e competência como um co-pastor do pequeno rebanho
  2. LEVA A UNIDADE A CUMPRIR O PROPÓSITO DA ESCOLA SABATINA – Conduz todos os alunos a terem a lição e a estuda-la diariamente;  Se confraterniza além do sábado de manhã; leva os alunos a testemunharem para os seus amigos do trabalho, lazer, escola, parentes não adventistas e afastados da fé; Conscientiza os alunos da missão mundial
  3. ALINHA A PRÁTICA SEMANAL DA UNIDADE – Promove a visitação na unidade e da unidade para outros; Desenvolve ações solidárias na comunidade através de projetos da unidade; alinha projetos missionários para a família ampliada de cada aluno
  4. IMPULSIONA OS DONS DOS ALUNOS – Cria treinamentos para descobrir os dons dos alunos, potencializa a criação de ministérios, capacita para o cumprimento da missão.

CONSEQUENCIAS DE UMA BOA ESCOLHA

Uma igreja que tem um professores comprometidos com a função logo verá as consequências em seu crescimento.

O resultado:

  1. A unidade é forte doutrinariamente
  2. A unidade é pastoreada sistematicamente
  3. A unidade é consciente da sua unidade mundial
  4. A unidade vive em comunidade
  5. A unidade é relevante na comunidade secular
  6. A unidade é missional
  7. A unidade é comprometida com as práticas espirituais
  8. Pouca apostasia

Alex Palmeira

Salvo pela graça, servo de Jesus, em missão como embaixador do reino de Deus - atua como diretor do movimento PN5.
União Sul Brasileira da IASD

Sem categoriaA escolha dos professores da Escola Sabatina